Terça-feira
24 de Novembro de 2020 - 
Advocacia Cível, Direito de Familia, Sucessões, Consumidor, Trabalhista e Previdenciária
Anos de tradição jurídica
Confiança, credibilidade e competência

Area do cliente

Usuário
Senha

Notícias

Cadastre-se

Deixe o seu melhor email e se mantenha informado sobre o Direito do Trabalho.
Nome
Seu email

TRT/RJ supera meta de redução do tempo médio do processo no primeiro grau (fase de conhecimento)

Os membros do Conselho de Governança Participativa e Estratégica (CGPE) do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ) participaram, na manhã desta terça-feira (20/10), por meio de uma videoconferência, da III Reunião de Análise da Estratégia de 2020, organizada pela Secretaria de Desenvolvimento Institucional (SDE), com o objetivo de discutir os resultados dos indicadores estratégicos alcançados pelo Tribunal, de janeiro a agosto de 2020. Além de magistrados e servidores do Regional fluminense, também participam do Conselho representantes da Associação de Magistrados da Justiça do Trabalho da 1ª Região (Amatra 1) e da Associação dos Juízes do Trabalho (Ajutra). Dentre os resultados alcançados pelo TRT/RJ, no período de janeiro a agosto de 2020, destacam-se seis indicadores cujas metas foram superadas. O “Tempo médio de duração do processo na fase de Conhecimento no 1º grau” tinha como meta (definida pelo CSJT para toda Justiça do Trabalho) a marca de 288 dias, tendo o TRT/RJ atingido o resultado de 285 dias. No “Tempo médio de tramitação, na Justiça do Trabalho, dos processos originários do 1º grau”, o Regional fluminense superou a meta em 40,2%. A proposta era reduzir o prazo médio para 1.179 dias e o TRT/RJ conseguiu reduzir para 841 dias. A meta do “Índice de processos antigos no 2º grau” foi superada em 4,4%. A intenção era julgar, pelo menos, 92% dos processos distribuídos até 31/12/2018, no 2º grau, e o TRT/RJ julgou 96,1% dos processos. Quando o tema é “Qualidade de vida” de magistrados e servidores, o TRT/RJ também tem motivos para comemorar. O índice de absenteísmo por doença de servidores foi de 2,4%, e o de magistrados, 2%. Em ambos os casos, a meta era menos de 3%. No caso dos servidores, a superação da meta foi de 25% e, no caso dos magistrados, 50%. Por último, o TRT/RJ superou em 17,7% a meta do indicador “Adesão nas atividades formativas programadas para magistrados”. A meta era alcançar, no mínimo, 60% de adesão e o percentual ficou em 70,6%. Conforme análise efetuada pelos membros do CGPE na reunião, uma das grandes dificuldades enfrentadas pelo TRT/RJ continua sendo cumprir a meta da execução, que foi dificultada ainda mais pelo fechamento de inúmeras empresas durante a pandemia. O presidente do Regional fluminense, desembargador José da Fonseca Martins Junior, parabenizou juízes e servidores pelo empenho em alcançar os resultados obtidos no cumprimento das metas determinadas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e pelo próprio TRT/RJ. Também participou da reunião on-line a corregedora regional, desembargadora Mery Bucker Caminha, que agradeceu à Presidência do Tribunal pela maneira democrática com que vem atuando - o que favorece o trabalho da Corregedoria - e ressaltou a importância do trabalho dos servidores e magistrados para os resultados obtidos. Outras informações sobre os resultados apurados podem ser obtidas na página da Gestão Estratégica do TRT/RJ, localizada no portal do Regional fluminense.  
21/10/2020 (00:00)

Endereço

Silva & Santana Advogados (Advogado Trabalhista)

Avenida T-4  619  Qd. 141, Lts. 4/5, Sala 1013, Edificio Buena Vista Office Design
-  Setor Bueno
 -  Goiânia / GO
-  CEP: 74230-035
Visitas no site:  3147928
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.